Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Debate coloca o turismo na pauta central do desenvolvimento do Paraná
Início do conteúdo da página

Debate coloca o turismo na pauta central do desenvolvimento do Paraná

Evento debateu as perspectivas do estado no campo da infraestrutura, agronegócios e segmento de viagens na capital, Curitiba

  • Publicado: Sexta, 30 de Novembro de 2018, 10h44
  • Última atualização em Sexta, 30 de Novembro de 2018, 10h44

Por Lívia Nascimento


Ministro Lummertz durante Seminário. Crédito: Roberto Castro/MTur

O turismo foi um dos temas centrais debatidos pelo Seminário Mitos e Fatos – O Futuro do Paraná, realizado nesta quinta-feira (29) em Curitiba. Realizado pela rádio Jovem Pan em parceria com a RIC Paraná, o evento reuniu representantes de associações, empresários e governos que durante toda a manhã discutiram assuntos-chave para a promoção do desenvolvimento do estado. O ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, foi um dos convidados do painel “O Turismo e seus aspectos nacionais e estaduais”.

Participaram do bate-papo sobre o setor, além do ministro Lummertz, o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, o presidente da Paraná Turismo, Manoel Jacó Garcia Gimenez, e o diretor da Serra Verde Express, Adonai Filho. O segmento de Viagens foi apontado durante o debate como um dos vetores para o crescimento e desenvolvimento econômico do estado. “É fundamental a redução da burocracia, que afasta investidores e que representa um entrave em toda a atividade. O estado tem que ser parceiro da iniciativa privada e não se colocar como barreira para as iniciativas. Só assim conseguiremos colocar o Brasil como destino turístico nas prateleiras do mundo”, comentou o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz.

A necessidade de investimento na promoção dos destinos turísticos para os públicos interno e externo também esteve na pauta e vai receber atenção especial do novo governo estadual. “Vamos destinar 35% do orçamento da comunicação do estado para ações de turismo. Para isso iremos trabalhar em duas frentes: Viaja Paraná, voltado para o turismo regional, e Destino Paraná, dedicado aos viajantes de outros estado e países”, anunciou o governador eleito, Carlos Massa Ratinho Júnior.

O prefeito Rafael Greca fez questão de mencionar a importância da atividade em sua gestão. “Eu escolhi o turismo como estratégia de governo e nossas ações comprovam isso. No ano passado nossa programação de Natal reuniu cerca de 300 mil pessoas e esse ano vai ser maior, com uma programação especial repleta de atrações culturais”, orgulhou-se.

SELO + TURISMO - Durante o evento, o ministro Lummertz entregou o Selo + Turismo para o município paranaense de Campo Magro. O projeto orçado em R$ 42 milhões é resultado de uma iniciativa entre empresas privadas e a prefeitura municipal para incentivar a atividade turística no estado.

Entre os objetos previstos na proposta estão: Parque das Pedreiras, plano municipal de Turismo, qualificação profissional e de serviços, além de produção associada, entre outros. O Selo Oficial +Turismo é uma distinção concedida a projetos que dão entrada no Prodetur + Turismo, linha de financiamento da Pasta que disponibiliza R$ 5 bilhões pelo BNDES e R$ 1 bilhão no CAF. “Os municípios precisam se unir para o desenvolvimento de projetos que mudem a cara do turismo regional. Temos vários exemplos deste no conjunto de R$ 3,8 bilhões de projetos apresentados até o momento. E espero que assim como o município de Campo Magro, a iniciativa privada e o poder público possam caminhar juntos para o fortalecimento dessa nossa atividade”, explicou o ministro.

Edição: Vanessa Sampaio

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página